sexta-feira, janeiro 22, 2010

Solidariedade, Greve, Manifestação





13 Comments:

At 9:36 da manhã, Anonymous Jaime Rogrigues said...

Os enfermeiros são uma classe esquecida, porque:
1ª - Os seus antecessores não eram licenciados.
2º - A classe médica não deixa o preconceito de superioridade;
3º - Os ministros têm sido sempre médicos ou seus próximos.
4º - Os enfermeiros não têm elementos nos órgãos de soberania (governo ou Assembleia da República-deputados)que os defendam, ao contrário dos médicos e dos professores.

Estes factores retratam o que tem impedido os enfermeiros serem reconhecidos como qualquer licenciado , seja ele professor , seja qualquer licenciado em direito, historia, sociologia, etc... etc... etc... já para não referir a classe médica portuguesa...
Toda a gente vos adora, vos admira, vos reconhece a responsabilidade, a competência, a entrega, o sacrifício da vida pessoal, etc, mas não vos pagam para isso!

Jaime Rodrigues

 
At 9:48 da manhã, Anonymous Helder Pereira said...

Sou professor e marido de uma enfermeira.
Porque é que a vossa Ordem não faz uma campanha pública para contribuir para o vosso reconhecimento junto
desse público?
Claro que isto custa muito dinheiro, mas não deve causar grande mossa nas finanças dessa figura intangível chamada "ordem dos enfermeiros". A ordem deveria sair do marasmo em que vive e acordar para o mundo em que vivemos, tire a cabeça da areia e veja que a enfermagem em Portugal já não é um grupo de senhoras com muito boa vontade (com saias compridas e lamparinas) que quer ajudar os que sofrem, é uma classe com formação superior e constante, com conhecimentos muitíssimo vastos, que vão até ao pós-doutoramento.
Boa Sorte!

 
At 2:53 da tarde, Anonymous Rita Moreira said...

Ultimamente tenho percebido que os enfermeiros andam muito preocupados com a falta de reconhecimento por parte da sociedade.
Contudo, a "classe" de enfermagem deveria reflectir acerca:
- Que imagem sócio-política querem; - Que enfermagem querem;
- Que apoios querem ter....

Sobretudo: QUE ENFERMAGEM?

Se os enfermeiros continuarem de costas viradas, consoantes os sectores (ensino, hospital, UCS), onde estão, o futuro é NEGRO!

A minha irmã é enfermeira e está a ponderar mudar de profissão devido à desunião, maldicência, incoerência e falta de auto-estima que reina entre os enfermeiros.

Rita Moreira

 
At 6:34 da tarde, Anonymous J.M. said...

Olá Prof. Rosa:

Para rir....
As pequenas diferenças na sublime arte do banho...
Seguir link.
Uma ex-aluna, 7.ºCLE.

 
At 10:55 da tarde, Blogger Maria da Luz Borges said...

Sempre convosco!
Luz

 
At 10:59 da tarde, Blogger Maria da Luz Borges said...

PS. Rita
A sociedade não se esquece apenas dos enfermeiros. Esquece-se também dos professores, dos bombeiros, das forças de segurança e de todos aqueles que dão a vida pela sua gente... Porque neste momento a sociedade só dá vaçlor ao que não presta e a futilidades. Por isso esta greve não é apenas dos enfermeiros, mas de todos nós, os que queremos uma sociedade melhor e mais justa!
Convosco
Luz

 
At 9:49 da manhã, Anonymous Rosário Coelho said...

Estou de acordo com a Maria Da Luz, a sociedade, infelizmente, só dá valor ao que não tem valor, como futilidades e outros afins, por isso é que a sociedade não reconhece os professores, os enfermeiros, os educadores, os assistentes sociais, os polícias, os militares, os bombeiros, enfim todas as pessoas que deveriam ser reconhecidas pelo seu valor e ajuda às populações.
Apoio a luta dos enfermeiros a 100%.


Rosário Coelho, Professora de Biologia do Secundário.

Um grande abraço para ti, Rosa.

 
At 2:55 da tarde, Anonymous J.M. said...

Hospital Particular de Guimarães tenta contratar Enfermeiros por 300 euros

fonte: GuimarãesNegócios

O Hospital Particular de Guimarães , abriu estas inscrições em 2009 , mas ao que parece , não tem tido muito sucesso , as condições oferecidas aos enfermeiros parece ser uma afronta a estes profissionais .

Pelas informações que nos foram fornecidas e as que se espalham pelos fóruns de enfermagem , indicam que numa primeira etapa o Hospital vinha a oferecer contratos do tipo , 4 meses sem remuneração ( como experiência ) ,e só depois passariam a um salário mínimo nacional a recibos verdes.

A novidade aqui, é que os gestores não tendo sucesso terão mudado algumas condições , oferecem agora , 1 mês sem remuneração , 6 meses de 200 a 300 euros e depois logo se verá , uma 'mudança' que parece afrontar ainda mais os profissionais e mais parece ser , um acto de provocação , se os enfermeiros, são licenciados e são remunerados a este fantástico valor , nem me questiono quanto receberão os que lá trabalham e não o são.

Diga-se que esta é uma atitude pouca digna e sem escrúpulos de qualquer instituição pública ou privada, se isto não é uma exploração pública então o que é?!

notícias na NET!

Sou Professor de Matemática.
Apoio a vossa luta, pela vossa dignificação profissional, mas revejam a tabela dos professores, não ganhamos tanto coo se pensa no inicio da carreira.


Informe-se melhor.


BOA sorte!

 
At 8:51 da tarde, Anonymous Kaos Infermático said...

Hoje, amanhã e depois vou estar de greve. Eu não gosto destes dias e que fique, desde já, esclarecido: "NENHUM ENFERMEIRO GOSTA DE FAZER GREVE!" Entendemos todos, perfeitamente, a revolta mais ou menos agressiva de todos os doentes que estão dependentes dos nossos cuidados. Entendo , menos bem, os auxiliares que tentam substituir o enfermeiros nas suas actividades, mas estes sentem-se sempre inseguros em saber, exactamente, o seu lugar na cadeia hierárquica. Não entendo, de modo nenhum, a pressão exercida sistematicamente, por alguns elementos da classe médica, de modo a tentar de, forma insidiosa e agressiva, colocar os utentes contra os enfermeiros e tentam mesmo substituí-los nas suas funções. Agradeço a boa-vontade de facilitar a vidas dos enfermeiros, mas assim como não considero o enfermeiro auxiliar do médico, não gostaria de ter o médico como auxiliar de enfermagem! Hoje a pressão sobre os meus colegas foi tal que alguns utentes internados, revoltados, tentaram fazer Greve de Fome! Sinceramente, agradecemos estes sentimentos, tão sinceros de solidariedade, nunca pensámos que a nossa luta tivesse um eco tão compreensivo, espero sinceramente, que a Nossa Ministra da Saúde e quem sabe, Todo o Governo se solidarize com os ENFERMEIROS e iniciem HOJE e PARA SEMPRE uma GREVE de FOME, pelos enfermeiros! OBRIGADA!

De uma revoltada em dia de greve

 
At 1:10 da manhã, Anonymous Cogitare em Saúde said...

Rosa deixamos no Cogitare os videos e noticias do 1º dia de greve . amanha entupimos a VCI .

Boa Greve a todos e continuemos que 95 % é excelente !

 
At 6:44 da tarde, Anonymous Graça Ribeiro said...

CORAGEM!

"Uma greve muito complicada de gerir em termos de opinião pública pela única classe profissional que, para além dos professores, tem mostrado garra na defesa dos seus direitos e da sua dignidade contra um Governo refém dos caprichos jardinescos e sem lobbies de bastidores........"

Bjinhos Rosa!

 
At 9:35 da tarde, Anonymous M.R. said...

Uma bela composição, este post!
Parabéns Rosa,
Bjinhos da Marisa

 
At 4:16 da manhã, Anonymous Cogitare em Saúde said...

Deixamos in Cogitare em Saude :

Fica na história a Maior Manifestação Enfermeiros…(Vídeos do Momento)

 

Enviar um comentário

<< Home