domingo, novembro 30, 2008

A violência nas crianças e jovens - parte II

No post anterior constatamos que a violência contra crianças e adolescentes não é um facto recente, pois em longos e diversificados períodos da história foi uma prática habitual, justificada e aceite pelas diferentes sociedades.

[Lá+vai+a+bola+G2M.JPG]

Nos séculos XVII-XVIII foi instalada em algumas localidades a Roda da Santa Casa. Exemplo disso foi a Roda de Torre de Moncorvo, onde se expunham os meninos "enjeitados", desde bebés até cerca de quatro anos, a qual tinha como objectivo evitar que as crianças fossem devoradas pelos cães, após o seu abandono, pelos familiares.
A Roda era um cilindro oco de madeira que girava em torno do próprio eixo e tinha uma abertura, onde eram colocadas as crianças. A mãe que desejava abandonar o filho batia na madeira e girava, avisando ao porteiro da Santa Casa que, do lado de dentro, recolhia o abandonado.
Quando accionado o mecanismo da roda, os depositantes dos "enjeitados" não eram mais vistos pelos funcionários, mantendo o anonimato exigido na altura, em que os preconceitos e a discriminação abundavam.

http://www.vivafavela.com.br/publique/media/abrigo_meninos_indice1.jpg
A partir do século XIX, começaram a surgir textos médicos sobre a violência praticada contra as crianças.
Em França, no ano de 1860, foi escrito o primeiro trabalho pelo Prof.º Ambroise Tardieu, pioneiro na utilização do termo “criança espancada”. Neste trabalho, são analisadas as mortes de 18 crianças com idade inferior a cinco anos, cujas lesões e morte eram incompatíveis com as explicações fornecidas pelos pais.

A preocupação com o abuso infantil começou nos Estados Unidos em 1874, com o caso de Mary Ellen Wilson, abandonada pela mãe. Com a morte do pai na Guerra Civil, ficou sob os cuidados da madrasta e do marido, que a maltratavam fisicamente e a negligenciavam. Como não havia, na época, nenhuma entidade que defendesse os direitos das crianças, Mary Ellen foi protegida pela Sociedade Norte Americana para Prevenir a Crueldade contra os Animais, com base no pressuposto que, como criança, fazia parte do reino animal.

http://estatico.tudonahora.com.br/images/upload/4de8718901529d79a4ba52adbb97a781b26c9d03-destaque.jpg

Em 1946, nos Estados Unidos, Caffey, outro médico, publicou observações de seis crianças com hematoma subdural e alterações radiológicas de ossos longos, dois tipos de lesões sem relação clínica ou patológica. Por outro lado, em 1953, Silverman, um médico radiologista, realizou um estudo retrospectivo acerca de crianças com quadros clínicos semelhantes aos de Caffey e concluiu que as lesões eram causadas por traumatismos provocados por alguém.


A partir de 1961 deu-se um grande avanço em relação à violência contra crianças e adolescentes, quando Henry Kempe descreveu a Síndrome da Criança Espancada, reconhecida pela Academia Americana de Pediatria.
Para Kempe, este síndrome ocorria em crianças com baixa idade, apresentando graves ferimentos em épocas diferentes, e explicações discordantes ou inadequadas fornecidas pelos pais, sendo o diagnóstico baseado em aspectos clínicos e radiológicos.

http://diganaoaerotizacaoinfantil.files.wordpress.com/2008/04/22986835.jpg

Após os anos 60, com a publicação da Declaração dos direitos da criança, a área da saúde começou a preocupar-se com a violência contra crianças e adolescentes, sobretudo a área de Pediatria, que passou a tratá-la como um problema de saúde, porque a
violência que se pratica contra as crianças e adolescentes é um grave problema de saúde, que deve ser identificado e abordado por profissionais que actuam na área educativa e da saúde.

http://www.geocities.com/analaureano/boneca.jpg

Infelizmente actos como o infanticídio, abandono em instituições (creches, hospitais e até na sua própria casa), escravidão, exploração do trabalho infantil e mutilação de membros para causar compaixão e facilitar a mendicidade são ainda notícia de jornal neste mundo que se diz globalizado.

...Continua ...

21 Comments:

At 9:32 da tarde, Anonymous Rosário Coelho said...

Olá Rosa, gostei desta segunda parte. Já tinha ouvido falar na roda, mas não a conhecia como a descreveste.
Obrigado pelo que me ensinaste.
Uma excelente semana, bjinhos, Rosário Coelho.

 
At 10:35 da tarde, Blogger Um Poema said...

...

Excelente este teu trabalho (I e II partes). Aliás como é hábito.

Violência contra crianças foi sempre uma triste realidade. Mas, se em séculos passados essa violência tinha raiz na ignorância, hoje ela deve-se muito mais à maldade e prepotência de quem a exerce.

«A roda»
Ainda é possível vê-la em alguns edifícios antigos, nomeadamente conventos.

Obrigado por partilhares connosco a tua sensibilidade.

Um abraço

 
At 12:44 da tarde, Blogger Vera Carvalho said...

Mais um excelente Post Rosa ;)

Por estarmos a uma perninha do Natal, queria DESEJAR-TE um Feliz e Santo Natal..

 
At 10:45 da tarde, Anonymous Flávia Luana said...

Mais um post interessante e bem elaborado. Parabéns pelo blog, que não conhecia...F.L.

 
At 4:17 da tarde, Anonymous joana santos said...

Olá Rosa, mais um, entre outros bons, ou seja, óptimos posts!
Beijocas da J.S.

 
At 7:28 da tarde, Blogger Guilherme de Carmo said...

interessante trabalho de pesquisa, vou estar atento ao blog e será adicionado aos meus favoritos em www.porquedeixeideserenfermeiro.blogspot.com

 
At 12:23 da manhã, Blogger António said...

Olá, Rosa!
Esquece as livrarias.
A editora funciona mal e um tipo desconhecido também não vende nada em livrarias.
Se quiseres comprar contacta-me para:
a.castilho.dias@netcabo.pt
(por uma questão de organização pois eu é que estou a vender tudo)
que eu dou-te umas dicas.
Ok?

Agora em vez de escrever vendo...ah ah ah

Beijinhos

 
At 9:39 da tarde, Blogger Dreamaster said...

Qual link menina ?

Um bom e quentinho fim de semana bbrrrrr :)


Bjs
D.

 
At 11:04 da manhã, Anonymous Lina Madeira said...

Olá Rosa, tudo bem contigo?
A roda ....já há imenso tempo que não via nada escrito acerca dela, e actualmente faria falta para, na eventualidade, não aparecerem bebés dentro de sacos embrulhados em panos de cozinha!
Beijocas, Lina Madeira

 
At 8:48 da tarde, Anonymous Margarida Pereira said...

Olá Rosa, tudo bem?
Mais um óptimo post....gostei! Beijocas da Margarida.

 
At 9:25 da tarde, Anonymous Isabel Abreu said...

Rosa, este trabalho está muito bem elaborado, assim como toda a pesquisa que tem sido feita neste blog, com temáticas bem aliciantes e bem estruturadas do ponto de vista analítico.
Sou professora e muitas vezes falamos em temas que por aqui vão aparecendo...estarias interessada em fazer parte de um projecto de saúde escolar?
Deixa e-mail que entraremos em contacto contigo.
Obrigada, I.A.
E Parabéns pelo blog!

 
At 8:47 da tarde, Anonymous Sónia Pessoa said...

Excelente post, como sempre... passei para deixar beijinhos natalícios!

 
At 2:40 da tarde, Anonymous J.J. said...

Oi mais um excelente post, colega Rosa.
Quem por aqui passa aprende sempre mais alguma coisinha ...nesse sentido por aqui vou passando ...
Umas excelentes festas de Natal e Ano Novo, porque MERECES! BEIJINHOS desde Santarém!

 
At 6:11 da tarde, Blogger Um Poema said...

....

Um Feliz Natal para ti e para quantos te são queridos.
Que 2009 seja um ano de esperança, de paz, de saúde e alegria e também, se possível, de alguma prosperidade.

Um abraço

 
At 6:13 da tarde, Anonymous Rosário Coelho said...

Um excelente Natal e um Excelente Ano Novo para ti e para a tua família. Beijinhos da Rosário.

 
At 7:36 da tarde, Blogger Ana S. said...

Olá Rosa!
Esperemos que ao menos nesta epoca as crianças e os jovens tenham mais paz e amor.
Desejo-te um feliz Natal junto os que mais amas.
Beijinhos

 
At 8:36 da tarde, Anonymous M.S. said...

Olá Rosa, tudo bem?
um excelente natal e um óptimo Ano Novo de 2009!
Beijocas, M.S.

 
At 3:34 da tarde, Anonymous mando said...

Bem isto sim é serviço publico ;)...bem aproveito para lhe desejar um Feliz Natal junto de quem ama!

Abraço do mando.

 
At 4:23 da tarde, Anonymous Rita Nogueira said...

Olá!
Venho aqui só deixar um incentivo para continuação do excelente trabalho desenvolvido. No âmbito da disciplina “Área de Projecto” estou a desenvolver um trabalho sobre Crianças, cujos sub-temas passam por Violência, Desenvolvimento, Entretimento e Hospitalização Infantil, pelo que o seu blog tem sido uma grande ajuda, assim sendo passamos a sugeri-lo, no blog do nosso projecto ao qual poderá dar uma vista de olhos http://mundodesorrisos.blogs.sapo.pt/
Qualquer opinião, dúvida ou mesmo dando alguma ajuda a que se disponibilize (muito bem vinda para o enriquecimento do projecto), poderá fazer através do blog, ou mais pessoalemente para o mail rita_nogueira16@hotmail.com
Agradeço desde já o tempo dispendido e se possível agradecia um contacto
Rita Nogueira e restantes elementos do grupo

 
At 1:17 da tarde, Blogger O Profeta said...

Sabia apenas que era um pequenino naquela longa noite
No celeste um luminoso sorriso me chamava
Lançou-me aos olhos raios de deslumbrante luz
Era a minha prenda, uma brilhante…Estrela Alva…

Um Mágico Natal para ti querida amiga que ao longo deste ano me visitaste. Que a Estrela Alva te ilumine neste Natal.


Mágico beijo

 
At 9:59 da tarde, Blogger Rosa Silvestre said...

Obrigada amigos e visitantes pelas vossas gentis e amáveis palavras.
Voltem sempre que puderem.
UM EXCELENTE NATAL E UM ÓPTIMO ANO NOVO!
RS.

 

Enviar um comentário

<< Home